jusbrasil.com.br
24 de Outubro de 2017

Quer ser autor no Jusbrasil? Entenda por que ter planejamento é tudo!

Aprenda a alavancar seu faturamento com marketing jurídico e marketing de conteúdo.

Igor Leite, Advogado
Publicado por Igor Leite
há 3 meses

Olá pessoal, tudo bem? Estou de volta em mais uma das nossas quintas-feiras destinadas ao marketing de conteúdo dentro do Jusbrasil! Semana passada eu falei para vocês a importância de definir seu público alvo antes de começar a escrever, no texto: Quer ser ou já é um autor no Jusbrasil? Veja minha primeira dica!

Hoje, a minha dica vai ser ainda mais valiosa! Irei falar sobre PLANEJAMENTO.

Eu, sempre que vou viajar com minha noiva, decido uma série de coisas: O destino, a hospedagem, as passagens, locais que iremos visitar, onde iremos comer e demais coisas. Imagina que insano seria se eu decidisse viajar sem me planejar? Chegar em um lugar desconhecido e só depois correr atrás da hospedagem, do guia turístico e etc? Seria um desastre total!

Muita gente faz isso quando começa a implementar o marketing de conteúdo em suas empresas e marcas. Escrevem textos sem planejamento, de vez em quando, se sentirem vontade; não se preocupam e nem pensam de fato como utilizar essa estratégia de marketing.

Em poucas palavras, o planejamento é tudo aquilo que vem antes da execução em si. Existem alguns processos nesse ponto e eu vou falar sobre todos eles!

1. Definição de objetivos

    Você dirige seu carro só por dirigir? Sem saber para onde você quer ir? Aposto que não! Então, você não vai fazer marketing de conteúdo só por fazer marketing de conteúdo.

    É extremamente necessário interiorizar que o marketing (qualquer que seja o tipo), não é um objetivo por si só!

    Quando você quer utilizar o marketing de conteúdo, essa estratégia tem que almejar algum ou alguns objetivos que tragam verdadeiros benefícios para seus negócios!

    Ter um objetivo definido pode parecer óbvio, mas é incontável o número de pessoas que produzem conteúdo apenas porque está na moda e nem se quer sabe se aquilo ali está trazendo algum benefício ou não. Ter um objetivo é muito importante para conseguir montar o seu planejamento. Posso fazer novamente a analogia da viagem; o objetivo é como se fosse o destino que queremos ir.

    2. Defina suas métricas!

    As métricas são formas de mensuração que servem para avaliar certos aspectos em uma estratégia tomada!

    Existem dois problemas muito corriqueiros quando falamos de pessoas que não definem BEM as métricas de sua estratégia. Ou elas não medem métrica alguma, ou as que medem métricas demais.

    Os dois casos geram o mesmo problema final que é: Medir métricas tem a intenção de lhe deixar munido com informações RELEVANTES. Se você não mede nada, nem informação você vai ter. Se mede tudo, você vai ter milhares de informações, mas apenas algumas relevantes.

    Precisamos focar em colher BOAS MÉTRICAS. Uma boa métrica tem algumas características que são muito importantes:

    - Ser simples de entender: Existem algumas métricas que tem um índice muito complicado, com fórmulas e mais fórmulas. Métricas com entendimento simples são sempre muito bem vindas!

    - Ser facilmente mensurável: Exemplo auto explicativo é quando dentro do Jusbrasil você mensura quantos seguidores ganhou a partir de determinado texto. Ou quantas visualizações o seu último texto teve. (Não sabe como fazer isso? Veja como utilizar suas estatísticas dentro do Jusbrasil!)

    3. Monitorar as métricas e por a mão na massa!

    Traçamos um objetivo e definimos quais métricas teremos como base para alcançar o que queremos. O que falta agora?

    É necessário monitorar as métricas que você definiu e a partir disso achar o seu modelo ideal de produção. Vou dar um exemplo: O seu objetivo é ganhar visualizações. Com o tempo, produzindo e analisando as métricas, você notou que os textos de Direito Civil ganham muitas visualizações e os textos de Direito Ambiental ganham muitas recomendações. Qual o tipo de produção você irá investir seus esforços para alcançar seu objetivo? Direito civil ué!

    “Igor, com o passar do tempo eu posso mudar o meu objetivo?”

    Claro que pode! Mas não se esqueça de montar outro planejamento e definir as novas métricas! Isso é crucial galera! Voltando a analogia da viagem: Se vamos para outro destino, o planejamento também vai ser outro, não é? =)


    E aí, curtiram a dica? Recomende e compartilhe!

    Não esqueça que essa é apenas a primeira dica de muitas que virão! Para não perder as próximas dicas, siga meu perfil.

    Sugestões? Dúvidas? Comente também! Vamos movimentar isso aqui.

    Nos vemos na próxima semana! <3

    14 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)

    Perfeito! continuar lendo

    Está de parabéns Dr. Igor! Continue com esses textos, tenho certeza de que está ajudando muitos advogados continuar lendo

    Opa Marcus! Tudo bom? Pode me chamar de Igor! Não sou advogado, nem tenho doutorado, então, nada de doutor! hahahaha

    Muito obrigado pelo seu comentário, fico bastante contente quando percebo que estou ajudando as pessoas! Pode contar comigo para qualquer coisa!

    Abração. continuar lendo

    Tantas informações boas, Igor!
    E que venha a próxima quinta!!!! continuar lendo

    Ta acompanhando de pertinho né @fatimaburegio ?
    HAHAHA! Isso ai, obrigado pelo elogio! Você é um amor!

    Até a próxima semana! continuar lendo

    Podemos também trabalhar em prol de um objetivo, dividindo-o em etapas que podem ser de conhecimento, preparação e execução, pelo menos é o que sempre faço e funcionam mais ou menos como se fossem de curto, médio e longo prazo.
    Não sei se você concorda comigo, mas eu considero de suma importância falar apenas sobre aquele assunto que você domina, sobre o qual você possua pleno conhecimento.
    É comum imaginarmos que determinados assuntos não serão de interesse geral, mas a eloquência de quem disserta faz o interesse, porque é sempre bom aprender com quem sabe muito e fala com desenvoltura sobre o assunto em pauta, como temos aqui o exemplo do Igor, transformando nossa leitura em momentos agradáveis, além de transmitir o conhecimento. Com certeza é um dom, mas também factível de ser aprendido e desenvolvido.
    Muito bom, Igor.
    Leitura prazerosa e bem dimensionada. Fácil aprender assim. continuar lendo

    Concordo sim José! Já que no marketing de conteúdo, você tem que passar um conteúdo bom e que agregue valor a pessoa que esta lendo, é muito importante que você saiba sobre o que esta falando! Estudar antes de escrever é uma dica muito importante também!

    Obrigado pelo comentário, mais uma vez! continuar lendo